Acorda: a corda sempre arrebenta pro lado de quem sonha. —Eu me chamo Antônio.    (via discretou)